O que são probióticos? Entenda melhor.

O que são probióticos?

Eles são importantes para nossa alimentação?

Muito se ouve a respeito de tomar o probiótico para mantermos uma boa flora intestinal, principalmente após um período grande de utilização de antibióticos. Mas para que serve e quais são os reais benefícios ao nosso organismo?

Alguns alimentos possuem os probióticos que são micro-organismos que auxiliam na sintetização das vitaminas e na proteção do nosso organismo.

Eles podem ser utilizados em uma grande diversidade de tratamentos como obesidade, problemas mentais, entre outros.

Mas o mais utilizado ainda é para a reposição da flora intestinal, após a utilização constante de antibióticos.

Após um grande tempo utilizando o antibiótico ele pode destruir  o microbioma do intestino. Que são os micro-organismo presentes em nosso intestino, juntamente com a bactéria que possa estar causando a infecção.

O que se acredita pela lógica é que estar ingerindo novos probióticos restauraria essa flora intestinal.

Mesmo fazendo muito sentindo, há poucas provas que isso realmente seja eficaz. Segundo uma nova pesquisa a ingestão dessa carga nova de probióticos, pode na verdade atrasar a recuperação da saúde intestinal.

Quais são os melhores tipos de probióticos?

Existem muitas coisas associadas a esse termo probiótico e isso pode dificultar as coisas.

Para os cientistas são uma colônia de micro-organismo saudáveis que habitam no organismo humano.

Já para nós seres humanos normais, os probióticos estão em produtos vendidos no supermercado como iogurtes e outros suplementos, mas esses produtos não correspondem a essa definição de probióticos.

Mesmo dentro das pesquisas realizadas dentro dos laboratórios, em que os pesquisadores usam cepas bacterianas vivas, um coquetel muda muito, dificultando a comparação.

Por isso fica muito difícil afirmar qual probiótico em especifico pode ser mais eficiente ou não.

Será que realmente funcionam?

Em uma pesquisa realizada, foram analisados outros 82 estudos sobre o efeito dos probióticos na redução da diarreia causada por antibióticos em quase 12 mil pacientes.

Não foi possível recomendar ou identificar uma cepa de bactérias, coquetéis ou probióticos que realmente foi eficaz.

Todos os estudos foram variados e faltaram uma clareza para se definir estatísticas concretas para se afirmar os benefícios do uso do probiótico.

Assim acaba-se gerando uma falta de segurança no uso dos probióticos.

Embora sejam considerados inofensivos em pessoas com o organismo saudáveis, em pacientes com a saúde mais vulnerável, houve casos de efeitos colaterais preocupantes.

Em alguns pacientes houve casos de fungos que se alastraram através da corrente sanguínea do paciente.

Uma rodada de probióticos, pode na verdade dificultar e muito a recuperação de pacientes após a utilização dos antibióticos.

Em estudo realizado em 21 pacientes após utilizarem um ciclo de antibióticos.

Esses pacientes foram separados em 3 grupos diferentes.

No grupo um, não houve nenhuma intervenção, a ideia foi esperar para ver.

No grupo dois, tomou probióticos por um mês, esse grupo teve a pior resposta em relação aos demais, foi o grupo que mais demorou para recuperar a flora intestinal, mesmo após 5 meses ainda não tinham recuperado a flora intestinal por completo.

No grupo três foi realizado um transplante fecal, foram coletadas amostras das fezes antes do tratamento. Após esse tratamento, as mesmas foram devolvidas ao intestino, esse grupo foi o que teve melhor resultado.

Em pouco dias sua flora intestinal foi completamente restaurada.

Cuidado como  uso

Cada dia mais devemos observar e nos preocupar com os efeitos adversos que os probióticos podem ter em nosso organismo. Principalmente quando estamos com a saúde fragilizada. Estudos tem como objetivo personalizar esses probióticos para cada tipo de pessoa, pois a flora intestinal é muito pessoal. E as bactérias podem ser diferentes em cada indivíduo.

O importante a partir de agora é ficar mais atento a questão da utilização dos probióticos, principalmente em casos que sua saúde esteja fragilizada.

Conheça outras postagens do nosso blog aqui!

Quer entrar em contato? Acesse aqui!

Se deseja realizar uma cotação de seguro é só clicar aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *